menu-estetica menu-saude menu-nutricao menu-gestante menu-aliados menu-anuncie mari-responde conheca-mari

 

Alimentação correta para gestantes

Você com certeza já ouviu alguém dizer que grávida precisa comer por dois não é mesmo?

Pois isso é um mito! Uma mulher normal sem sobrepeso ingere em média 2.000 calorias por dia enquanto uma gestante deve ingerir 2.300 calorias diárias, apenas 300 a mais!

Pois é, mas muitas mamães acabam caindo nessa armadilha e engordam muito mais do que o recomendado na gestação o que pode acarretar em problemas de saúde como pré-eclampsia (pressão alta na gestação) e diabetes gestacional o que causa sérios riscos tanto para a mamãe quanto para o bebê.

A verdade é que na gravidez ocorre uma explosão de hormônios e sentimentos que faz com que algumas mulheres "ataquem" a geladeira.

Aquela fome sem fim que algumas (a maioria) das mamães sentem pode ter causas possíveis como ansiedade.

Os famosos "desejos" ou simplesmente dieta inapropriada são vilões da alimentação descontrolada das mamães.

A querida Nutri Carol dá algumas dicas para você que está passando por isso consiga identificar se sua alimentação está inadequada e como consertar:

Diet X Light: Quais as diferenças?

diet e light

Muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre as diferenças entre produtos diet e light e ainda consomem esses produtos de maneira inadequada e principalmente para emagrecer ou incluem na dieta por achar que vai fazer total diferença na balança. Isso é um erro e é por este motivo que vou falar melhor sobre eles, assim você saberá utilizar o mais indicado para a sua necessidade.

Antes de falar as diferenças, vale lembrar que um alimento pode se enquadrar em mais de uma das categorias, leia sempre o rótulo! Agora, vamos às diferenças:

- Light: Estes itens possuem pelo menos 25% à menos de componentes, quando comparados ao tradicional. A diminuição pode ser de calorias, açúcares, gordura e sódio. Vale a pena sempre olhar a taxa nutricional em comparação com a normal, para perceber as diferenças, pois nem sempre a redução é de calorias e açúcares o que consequentemente não fará você engordar menos! Vale ressaltar que alguns produtos com redução de calorias, às vezes possuem muito sódio o que também não é saudável.

Reeducação alimentar

reeducação alimentar

Vamos aproveitar que hoje é segunda-feira e de fato nos convencer (de uma vez por todas!) que é fundamental a reeducação alimentar não só pela estética, mas principalmente pela nossa saúde? A querida nutri Carol dá as dicas:

Na hora daquela fome fora de hora, que você sabe não ser uma necessidade, mas uma vontade, apele para a água. Um copo bem cheio propicia volume no estômago, tirando a vontade de comer.

Recomenda-se fazer além do café da manhã, almoço e jantar, pequenos lanches nos intervalos, para não ficar com muita fome e sobrecarregar as refeições principais.

Para evitar comer em excesso à mesa durante as principais refeições, observe também as seguintes dicas:

a) 30 a 60 minutos antes da refeição beba um copo de água;

b) No almoço e no jantar, antes dos pratos principais, sirva-se de uma boa porção de saladas e legumes fibrosos.

c) No café da manhã, além da água (antes), coma uma boa porção de aveia ou farelo amassado com banana (4 colheres de aveia por dia podem baixar o nível do LDL, o tal colesterol ruim, entre outras vantagens).

d) Os lanches podem se constituir de frutas (uma maçã, por exemplo), uma barra de cereais ou de proteína, um pedaço de queijo fresco com pão sem adição de gordura, um sanduíche do tipo natural de atum, ou frango, com salada ou cenoura ralada (sem maionese), ou ainda, algum suplemento indicado para esta finalidade.

 

10 dicas para um emagrecimento saudável

alimentação saudável

Gente, é com muito orgulho que eu apresento para vocês a Nutri Carol! Ela é a nutricionista lá da escola do meu filhote e faz um excelente trabalho com os baixinhos, além é claro de ser linda! Neste texto ela dá dicas de como emagrecer com saúde e isso todo mundo sabe que eu adoro insistir, não basta ser magro, precisa ser saudável!

Comer, comer, comer! Para quem quer emagrecer, a comida não sai da cabeça 24 horas por dia.

O que era um ato espontâneo, passa a ser pré-determinado.

Explica-se: emagrecer requer horários para as refeições, não poderá mais ir correndo para a geladeira a qualquer momento só para satisfazer uma mera vontade. Alimentar-se é fonte de prazer, mas, primeiramente, fonte de energia e nutrientes para o organismo.

Convenhamos, quando se fala em dieta ou disciplina alimentar quem é que não torce o nariz? Quem é que não acha que vai cair de pára-quedas em um campo de concentração, onde irá tocar a sirene da alimentação sem gosto?

Esqueça tudo isso! Alimentação sem sabor e altamente restrita significa caminho oposto do emagrecimento saudável. Isso mesmo. Antes de dar pulos de alegria é bom saber e ter certeza do que pretende para você.

Porque a água é vital?

Todos nós estamos cansados de ouvir que precisamos ingerir uma boa quantidade de água diariamente, mas por que será que ela é assim tão importante e nada a substitui?

água

O líquido mais importante e vital para o organismo humano é a água, sendo ela 60% da composição do corpo humano. Todo o funcionamento correto do corpo depende da ingestão adequada do líquido, a recomendação diária para adultos é de no mínimo 2 litros, sendo maior quando ocorrer à prática de exercícios.

Uma boa dica para ver se a sua ingestão diária está correta é verificar se sua urina está clarinha!

A água elimina os resíduos que não são importantes para o corpo e é a maior parte da composição dos sucos gástricos, responsáveis pela digestão. Ajuda a transportar os nutrientes do organismo, por compor 95% do plasma, age na circulação sanguínea e lubrifica os ossos, impedindo o atrito responsável por problemas nas articulações.

É também importante para o transporte de oxigênio, logo para o funcionamento adequado do sistema respiratório, e está presente em todos os líquidos expelidos pelo corpo, no sistema nervoso, digestivo e na pele. Além é claro de ser fundamental para o bem funcionamento dos rins!

Eu não gosto de beber água o que fazer???

Cranberry no "Domingo Espetacular"!

 Olá pessoal!

Vocês assistiram esse último “Domingo Espetacular”? Para quem não viu vale a pena assistir o vídeo que fala sobre os alimentos que tem o poder de curar várias doenças. O programa reuniu profissionais, pesquisas e pessoas que obtiveram resultados excelentes apenas mudando alguns hábitos alimentares e incluindo na dieta itens especiais! Entre eles o Cranberry, uma frutinha milagrosa para quem sofre com as infecções urinárias e cistites! 

 

cranberry

A fruta é muito difícil de ser encontrada no Brasil, isto porque somente alguns produtos tem a permissão da Anvisa. Mas você pode encontrá-la na forma seca, desidratada, sucos, cápsulas e chás!

Cada castanha e seus benefícios

Hoje eu vou falar das deliciosas castanhas e quem ainda não conhece seus benefícios ficarão de boca aberta ao perceber que elas não são vilãs como muitos pensam!

castanha

De fato, elas têm um nível calórico elevado, mas o consumo de 20 a 30g diárias (quatro a cinco unidades) pode auxiliar e muito na perda de peso, redução do colesterol e demais benefícios incríveis.

Várias pesquisas mostraram uma relação das castanhas com a manutenção do peso. Isso porque elas dão uma saciedade maior e graças às fibras, são metabolizadas bem devagar pelo corpo. Isso quer dizer que as castanhas satisfazem muito mais do que os outros alimentos com o mesmo teor calórico, além de possuir um valor nutritivo muito maior!

Vamos conhecer o que cada uma das poderosas castanhas fazem para o organismo e dar pulos de alegria ao saber que podemos ser saudáveis e ingerir alimentos saborosos.

- Nozes: Retarda o envelhecimento, fortalece os ossos e dá energia.

- Avelã: Antioxidante, anti-inflamatório e retarda o envelhecimento. Aumenta a sensação de saciedade e por esse motivo ajuda a emagrecer.

- Amêndoa: Ativa a circulação, melhora a saúde cardiovascular e reduz o colesterol ruim.

- Castanha do Pará: Aumenta o sistema imunológico, evita o risco de câncer e produz os hormônios da tireoide.

- Castanha de Caju: Aumenta a serotonina, responsável pela regularização de diversas funções psicológicas do organismo (concentração, ânimo etc.), diminui o risco de osteoporose e regula os batimentos cardíacos.

- Amendoim: Os fungos que podem dar no alimento são cancerígenos, portanto, deve-se ter muito cuidado com a conservação. Mas, ele tem o poder de diminuir o colesterol ruim e manter a saúde cardiovascular.

- Pistache: Reduz o colesterol, fortalece os ossos e a proteção do organismo contra os radicais livres.  Atua na formação de hemoglobina e acelera o metabolismo.

castanha

E agora, as castanhas estão com uma moral um pouco melhor com vocês? Sou fã de carteirinha e já faz algum tempo que inclui na minha dieta!

Comentário (0) Hits: 1765

Açaí faz bem e não é tão calórico quanto dizem

açaí

Hoje é dia de falar de uma fruta que agrada o paladar de muitos e eu particularmente adoroooo, o açaí! Porém infelizmente as pessoas ainda a considera um inimigo da dieta e saúde afirmando que ele tem um alto teor calórico. Hoje você vai perceber que isso é certo exagero, pois as calorias do alimento são semelhantes a da manga e maçã e inferiores a da banana e abacate.

tabela nutricional do açaí

Certo, mas então de onde vem essa ideia de que ele é calórico?

Na verdade, o que torna o açaí muito mais calórico são os deliciosos adicionais: banana, leite condensado e até o açúcar e xarope acrescido para fazer o tal açaí na tigela.

Alimentos que podem diminuir os efeitos da TPM

tpm

Quem é que nunca se incomodou com a famosa TPM? Ou ainda pior, sofre todos os meses por conta da danada?

Pois é, sabemos que ela existe e não há nada pior para quem está nessa situação e também das pessoas em volta, amigas, namorados, maridos, filhos, enfim todo mundo sofre com o mau humor e outras alterações causadas pela TPM.

As pílulas anticoncepcionais podem ser aliadas para melhorar esses sintomas, mas consulte sempre o seu ginecologista para que ele possa te receitar a mais indicada no seu caso!

Desde que fui impossibilitada de tomar as pílulas por questões de saúde, (esse é um assunto que falarei mais tarde) precisei recorrer a outros métodos para aliviar os sintomas que antecedem a menstruação.

Fui atrás de algumas vitaminas e nutrientes encontradas nos alimentos que ajudam a amenizar estes efeitos para “sobreviver” e não destruir meu casamento nesse período rsrsrs!!!

Vamos conhecer então, o que cada um deles oferece de melhora: